Bruxismo, disfunção temporomandibulare reabilitação oral: O que mudou na minha prática clínica

2019-12-05   21:00





Duração de 2 horas
Coimbra - Conselho Regional do Centro
GPS 40.212241 , -8.423059
Orador: Ricardo Dias

ocultar

Inscrições

As inscrições decorrem de 2019-05-23 12:00 até 2019-12-05 22:00. As inscrições estão encerradas.

 

Sala com capacidade limitada.

CV do palestrante
- Licenciado em Medicina Dentária pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra (FMUC) em 2006;
- Pós-graduado em Reabilitação Oral Protética pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra em 2009;
- Doutorado em Ciências da Saúde, Ramo de Medicina Dentária, especialidade de Prótese Dentária e Oclusão, disciplina de Oclusão, pela Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra, em 2015;
- Assistente Convidado da disciplina de Prostodontia Fixa do Mestrado Integrado em Medicina Dentária e da Pós-graduação em Reabilitação Oral Protética da Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra desde 2008;
- Investigador em Reabilitação Oral nas áreas de implantologia, disfunções temporomandibulares, bruxismo, dor orofacial e medicina dentária do sono na Faculdade de Medicina da Universidade de Coimbra;
- Prática clínica privada em reabilitação oral protética, disfunção temporomandibular, bruxismo, dor orofacial e medicina dentária do sono;
- Cofundador e Secretário Adjunto da Sociedade Portuguesa de Disfunção Temporomandibular e Dor Orofacial desde 2015;
- Membro do Conselho Fiscal da Sociedade Portuguesa de Estética dentária desde 2017;



RESUMO
O bruxismo e a disfunção temporomandibular têm sido marcados por uma necessidade de mudança de paradigma noconhecimento, interpretação e abordagem clínica dos pacientes. A evolução e o maior conhecimento relativos à etiopatogenia, prevalência, classificação, definição e abordagem terapêutica destas condições clínicas traduzem-se numa necessidade de redefinição da conduta clínica. Bruxismo e disfunção temporo mandibular são entidades clínicas distintas, devendo por isso ser esclarecidas e conhecidas, e assim contribuir para que os clínicos possam prestar cuidados adequados aos pacientes, das crianças aos adultos. No caso específico do Bruxismo, o ano de 2018 fica marcado pela publicação de consensos que aflorou a necessidade de uma interpretação distinta deste comportamento, suportado numa visão integrada e médica, e assente no modelo biopsicossocial. Durante esta apresentação o autor abordará o estado da arte, fundamentado nas mais recentes publicações científicas e investigações sobre estas temáticas. Procurará dessa forma esclarecer e apresentar quais as implicações que estes recentes conhecimentos sobre bruxismo e disfunções temporomandibulares determinam na prática clínica generalista e em contexto de reabilitação oral. Afinal quais as mudanças implicadas? Porquê? Qual a conduta no diagnóstico, abordagem terapêutica e manutenção em contexto de reabilitação oral?

expandir

Anexos disponíveis

pdf 329.18 KB | Flyer

Patrocinadores:




Media Partner:

Saúde OralMaxillaris
Imprimir
Suplemento Revista SPEMD - Congressos 2019
Agenda
mar
14

Eventos

Comemorações de Santa Apolónia 2020

S. Félix Hotel Hillside and Nature

abr
24

Congressos patrocinados SPEMD

Implant and Oral Rehabilitation Congress IORC2020

Lisboa

© 2000-2020. Todos os direitos reservados
Termos e Condições